Os utensílios de cerâmica da Ceraflame são 100% atóxicos e surgem como alternativa aos Ibriks feitos em metal, que podem contaminar a bebida.

Ceraflame

Todo brasileiro ama um bom cafezinho, seja puro, com leite, expresso ou coado. O interesse pela bebida fez com que outras formas de consumo se popularizassem no país, como é o caso do café turco, conhecido pela leitura da borra que fica no fundo da xícara, prática chamada cafeomancia. Esse tipo de café é preparado nos Ibrik’s – uma espécie de ‘panelinha’ de cabo longo que permite a fervura da água junto ao grão moído finamente, com outras especiarias: cardamomo, canela e anis estrelado.

Os Ibrik’s de cerâmica da Ceraflame – marca catarinense de cerâmicas refratárias são 100% atóxicos, ou seja, não liberam nenhum tipo de resíduo durante as preparações. Outro diferencial é que são também é ultra resistentes a choques térmicos, permitindo que o café saia do fogão direto para a uma superfície fria, como as mesas de mármore, por exemplo. “Como a cerâmica refratária mantém a temperatura por mais tempo, o Ibrik pode ser retirado antes do fogo, o que proporciona economia de gás, além de fazer com que o café permaneça quente ao ser servido na mesa”, explica Kilian Schroeder, gerente da Ceraflame.

As peças da empresa estão disponíveis em diferentes modelos e nas cores preto, chocolate, pomodoro, cobre e rose gold.

Serviço:
Ceraflame
tel.: 0800 644 6444
www.ceraflame.com.br